terça-feira, 1 de outubro de 2013

Grupo de juízes do Interior examina 177 ações de crimes contra a administração pública em 5 dias



Os juízes do Grupo de Auxílio visitaram seis comarcas do Interior e analisaram 177 processos de improbidade e crimes contra a administração pública, no período de 16 a 20 deste mês. O trabalho foi realizado nas comarcas de Boa Viagem, Tamboril, Crateús, Nova Russas, Hidrolândia e Independência.

Do total, foram proferidas 44 sentenças, 20 decisões, 93 despachos, 157 movimentações e 20 exclusões. À frente dos trabalhos estão os juízes Luciano Nunes Maia Freire (titular da 3ª Vara da Comarca de Tauá), Henrique Lacerda de Vasconcelos (2ª Vara Cível de Sobral), Daniel Carvalho Carneiro e Edison Ponte Bandeira de Melo (juízes auxiliar da 6ª Zona Judiciária). Participam da equipe também os servidores Geraldo Fernandes Santos, Bruno de Albuquerque Barreto e Gilberto Silva Viana.

O objetivo é agilizar o exame e julgamento dessas ações, conforme prevê a Meta 18, do Conselho Nacional de Justiça do Ceará (CNJ). De acordo com o gestor da meta no âmbito do Judiciário cearense, desembargador Inácio de Alencar Cortez Neto, a previsão é de que sejam monitorados e/ou julgadas, até o fim de 2013, os processos distribuídos até 31 de dezembro de 2011.

O desembargador informou que na primeira semana do mês de outubro, os juízes visitarão as Comarcas de Itapipoca, São Luís do Curu e Paraipaba. Entre os dias 14 e 19, receberão as visitas as Comarcas de Icó, Tabuleiro do Norte e Limoeiro do Norte. Na Capital.

O Grupo de Auxílio foi criado pelo presidente do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), desembargador Luiz Gerardo de Pontes Brígido, em julho deste ano por meio da Portaria nº 521/2013. Dividido em duas equipes, os magistrados atuam em Fortaleza, Região Metropolitana e no Interior do Estado.

Fonte: TJ/CE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens Recentes: